SOCIAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Caso ossada encontrada na Praia: Homem confessa ter esquartejado vítima 15 Junho 2013

A Polícia Judiciária deteve um homem de nome “Zezinho Catana” que já confessou ter morto à facada e esquartejado José dos Anjos, com quem partilhava uma moradia no bairro de Terra Branca, Cidade da Praia. A ossada da vítima foi descoberta esta quinta-feira enterrada numa encosta do mesmo bairro.

A Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira, 14, no bairro da Terra Branca, onde o agressor Zezinho Catana e a vítima José dos Anjos moravam, a escavar numa encosta do bairro onde foi encontrada a ossada humana. A PJ viria a encontrar mais ossos, principalmente das costelas e da parte do crânio, e ainda lençóis ensanguentados.

Esses novos vestígios foram recolhidos pela PJ com o apoio do suposto homicida, que confessou ter assassinado e esquartejado dentro de casa a vitima com quem, alegou ainda o visado, teve uma discussão. Suspeita-se que Zezinho Catana terá utilizado uma faca ou um machim para cortar a vítima aos pedaços.

Para desaparecer com as pistas, o alegado assassino queimou as roupas de José dos Anjos lá mesmo no local onde terá enterrado o cadáver. Aliás, vizinhos comentam que o suposto assassino já teria praticado os mesmos crimes em Santo Antão, de onde é natural. Crime esse que lhe valeu 18 anos de cadeia.

Verdade ou não, com mais estes indícios, a Polícia Científica não tem dúvidas de que se trata de um caso de homicídio e que os ossos encontrados na última quinta-feira enterrados na zona de Terra Branca são de José dos Anjos, também natural de Santo Antão, e que estava desaparecido de casa há duas semanas.

publicidade

100% Prático

publicidade






Mediateca
publicidade




Cap-vert

Uhau

Uhau
publicidade











publicidade













Newsletter